Ciclo PDCA: como ele pode mudar sua empresa?

249853 ciclo pdca como ele pode mudar sua empresa 810x540 - Ciclo PDCA: como ele pode mudar sua empresa?

As empresas buscam, constantemente, formas de otimizar a gestão de seus negócios. Isso porque, em um cenário altamente competitivo, não é possível trabalhar com processos organizacionais arcaicos e ineficazes.

O ciclo PDCA é uma das ferramentas mais utilizadas pelas grandes empresas, a fim de conseguir realizar seus projetos adequadamente, sem falhas, atrasos e com excelência. Por isso, implementá-lo no negócio é uma forma de identificar gargalos e melhorar resultados de forma sustentável.

Continue a leitura deste post e saiba mais sobre essa metodologia e tire suas dúvidas sobre o assunto.

O que é o ciclo PDCA?

O ciclo PDCA é uma metodologia que auxilia os gestores a compreenderem gargalos e planejarem soluções estratégicas, bem como colocá-las em ação de forma consistente. Criado pelo engenheiro Walter Shewhart nos anos 1920, foi fortemente utilizado no Japão no período pós Segunda Guerra.

  • identificar a dificuldade apresentada;
  • localizar problemas nos processos;
  • definir exatamente qual é a questão a ser enfrentada;
  • sugerir possíveis soluções para a questão;
  • observar, posteriormente, se as soluções aplicadas foram bem-sucedidas ou se devem ser modificadas.

Sua criação foi direcionada para ser aplicada em questões relacionadas à gestão da qualidade, como um método direcionado para a melhoria contínua. Porém, devido à facilidade de adaptação, não raro é utilizado em outras áreas e setores para um controle mais eficiente.

O que significa cada uma das ações do ciclo?

PDCA é uma sigla que descreve quatro passos para o desenvolvimento da ação: plan, do, check, act. Nesse contexto, cada uma dessas etapas descreve uma ação específica que levam até a fase seguinte.

Plan (Planejar)

Na fase de planejamento, são definidos os objetivos dos processos e os planos para elaborar as estratégias a serem realizadas.

Inclui-se nessa etapa:

  • identificar o problema a ser resolvido;
  • observar o problema em suas nuances e características específicas;
  • estabelecer as metas necessárias para a resolução do problema;
  • analisar o fenômeno;
  • analisar o processo a ser implementado;
  • definir ferramentas e métodos a serem utilizadas na fase de ação.

Lembre-se de que todos os planos devem ser feitos com base nos princípios e valores da empresa e, depois, pensar a relação com os objetivos pretendidos pela organização. Para que não haja falhas, a etapa deve ser verificada.

Do (Fazer)

Nesse momento, tudo que foi definido na fase de planejamento é colocado em prática, desde o treinamento para a implementação das estratégias até a aplicação prática de tudo que foi determinado no documento anterior.

É um ponto-chave e deve ser acompanhado constantemente, a fim de verificar a conformidade das ações com o que foi definido na fase de planejamento. Discrepâncias podem colocar em risco os resultados pretendidos.

Nesse momento, o monitoramento exige que sejam registrados todos os resultados durante a execução, realizando pequenos ajustes de adequação, caso esteja fugindo do espectro definido pelos gestores.

Lembre-se, também, que essa fase precisa respeitar o cronograma estabelecido, a fim de evitar atrasos.

Check (Checar/verificar)

Os registros realizados na fase anterior serão analisados agora, verificando os resultados pretendidos. Ela pode ocorrer concomitantemente com a fase de ação do plano, realizando as modificações necessárias no decorrer do processo, evitando perdas produtivas.

Isso pode se referir à realização de ajustes pontuais ou, até mesmo, na revisão de todo o planejamento, caso os problemas representem possibilidade de prejuízo para a organização.

Act (agir)

Outra etapa que pode ocorrer em concomitante com as anteriores é a etapa de ação, a fim de solucionar os problemas encontrados na fase anterior. São investigadas as causas do problema por meio de análise de dados e define-se como solucioná-los, a fim de evitar que ocorram novamente. Ele é realizado em duas etapas.

Padronização

O que deu certo se torna, assim, um padrão, sendo aplicado rotineiramente na organização. Isso deve ser registrado e devidamente avisado aos gestores, para que seja implementado no dia a dia.

Conclusão

É realizada uma avaliação final sobre todo o processo, analisando os resultados e definindo se o que foi encontrado está dentro do escopo do planejamento ou se esteve além ou aquém do esperado.

São produzidos relatórios, gráficos, estudos sobre o que foi realizado, as mudanças realizadas e se vale a pena continuar seguindo o que deu certo.

Por que utilizá-la em sua empresa?

O método visa a melhoria contínua dos processos. Por isso, já é o suficiente para exemplificar seus benefícios: a sua organização conseguirá os melhores processos no dia a dia.

Além disso, é um processo que se aperfeiçoa com o tempo. Cada vez que é aplicado, chega a um novo resultado, muitas vezes complementares entre si. Assim, também se adapta facilmente aos novos cenários.

Outro ponto importante é que se trata de um processo preventivo: ele permite a identificação do problema antes que se apresente como uma falha grave, permitindo a reparação antes que ele ocorra.

Por fim, o PDCA estimula a mensuração dos resultados obtidos com o processo, a fim de avaliar o que deu certo, o que deu errado e encontrar formas de como modificar os planos para conseguir obter os melhores resultados com o tempo

Como é possível implementá-la em sua empresa?

A metodologia PDCA é importante para trazer as melhorias necessárias para a organização, conseguindo resultados positivos constantemente, minimizando erros e problemas que possam comprometer o crescimento sustentável da organização. O método simples e, por isso, não exige grandes investimentos financeiros para ser implementado.

O mais importante para sua execução é o comprometimento dos envolvidos em realizar o planejamento sério e adequado, a preparação e treinamento das equipes para execução do que foi traçado anteriormente.

Assim, ao utilizar a metodologia PDCA em seus processos, você garantirá uma maior segurança dos seus funcionários, reduzindo custos, evitando prejuízos e conseguindo resultados sempre positivos.

Achou este conteúdo interessante? Compartilhe em suas redes sociais e leve-o para seus colegas de trabalho.

Deixar comentário.

cinco × 5 =

Share This