Vantagens de um software especialista em manutenção

cog wheels 2125178 1920 810x456 - Vantagens de um software especialista em manutenção

Novos tempos trouxeram maiores facilidades para os gestores. A automação passa a ser uma solução importante para conseguir melhores resultados, maior eficácia e diminuir os erros e o tempo de cada tarefa.

Por isso é importante que as empresas estejam atentas para implementarem soluções inteligentes no ambiente de trabalho e conseguir melhores resultados posteriormente.

Uma das soluções a serem utilizadas é um software de manutenção preventiva. Continue lendo e saiba as principais vantagens envolvidas no uso dessa ferramenta!

O que é um software de manutenção preventiva?

Um software de manutenção preventiva é feito de forma direcionada para empresas que trabalham com maquinários, a fim de potencializar esse tipo de manutenção em detrimento das manutenções corretivas. Assim, há uma melhor gestão e controle desses processos, evitando falhas e erros, conseguindo resultados melhores e garantindo a produtividade normal da organização.

Quais as aplicações de um software dessa natureza?

Um software de manutenção preventiva tem módulos operacionais e aplicativos de software que automatizam tarefas importantes concernentes a essa área. Pode-se incluir no rol de funcionalidades:

  • módulos sistematizados para registros de ativos;
  • registros de plantas industriais e ordens de trabalho;
  • inventário de manutenção;
  • banco de dados e informações para a equipe de manutenção;
  • horários específicos para a realização das manutenções preventivas;
  • registro da periodicidade definida para a realização das ações de prevenção;
  • registro de fornecedores e clientes;
  • geração de relatórios de análise sobre as manutenções.

Quais as vantagens de utilizar um software desse tipo em sua empresa?

Instalar um software de manutenção preventiva pode trazer uma série de benefícios para a sua empresa, tais como:

Economia de custos

Quando o sistema otimiza a manutenção preventiva, há uma redução dos custos em comparação com o momento no qual é necessário corrigir falhas que já tenham aparecido. Isso porque é muito melhor resolver alguns itens desgastados do que uma pane total. Além disso, aparelhos e maquinários que estragam paralisam toda a linha de produção, causando perdas produtivas significativas, dependendo do tempo de parada.

Maior controle sobre tempo de atividade

Como um software específico para controle de manutenções preventivas auxilia a evitar perdas e quebras, há uma redução nas quebras repentinas, aumentando a vida útil dos equipamentos. Isso permite, também, manter o fluxo produtivo sempre alto, sem ter uma diminuição produtiva considerável.

Melhor consumo de materiais

Por meio de um melhor controle de manutenções preventivas gerado pelo uso do sistema automatizado, há uma maior consciência sobre os materiais utilizados nas rotinas produtivas, possíveis desperdícios e fica mais fácil encontrar formas de melhorar esses aspectos.

Centralização de informações

Por meio de um sistema próprio, pode-se centralizar todas as informações concernentes às manutenções: quando devem ser feitas, os materiais utilizados, qual o melhor horário para não prejudicar a produção interna, os profissionais responsáveis, se a manutenção foi realizada ou não e se houve qualquer tipo de problema no processo.

Assim, caso seja necessário, você poderá  portanto checar as informações rapidamente em um sistema único, possibilitando a resolução de problemas rapidamente, bem como a conferência de dados importantes.

Além disso, a centralização favorece a comunicação entre os responsáveis. Não é preciso que um gestor informe a necessidade da realização da manutenção em determinado dia e horário: o funcionário receberá o aviso pelo sistema e realizará as suas funções adequadamente, sem o risco de que uma falha no processo de comunicação atrase a realização da tarefa.

Aumento de produtividade

Com a automatização do processo de geração de relatórios, é possível dedicar tempo para outas atividades referentes à gestão de manutenção, bem como realizar planejamentos mais específicos e direcionados, que auxiliem na realização das tarefas nessa área.

Controle e planejamento da manutenção

Os softwares gerenciais (ERPs) atendem de forma satisfatória os principais setores da empresa (financeiro, estoque e recursos humanos). 

Então, a empresa se vê com a necessidade de desenvolver customizações (telas, regras e relatórios). Isso sem mencionar o tempo que se levaria para o desenvolvimento e homologação de todas essas adaptações.

Software Especialista em Manutenção

Um software especialista em manutenção, em contrapartida, aborda nativamente os conceitos principais e importantes no que se refere ao controle e planejamento da manutenção, disponibilizando regras e relatórios focados, minimizando ou eliminando qualquer necessidade de customização.

O desempenho do software também é um fator crucial nessa análise. O ERP aborda diversos setores da empresa, e isso gera um grande fluxo de dados e também muitos usuários conectados simultaneamente.

Para que, ainda assim, o software apresente uma eficiência aceitável, é preciso fazer altos investimentos. Essa definitivamente não é a realidade do software especialista em manutenção. Ao contrário, ele aborda um ou dois setores da empresa, com poucos usuários conectados, permitindo um desempenho maior. E, mesmo que um investimento em infraestrutura seja necessário, certamente será bem menor.

Software focado em manutenção

Um software focado em manutenção tem todas as funcionalidades necessárias para atender às especificações desse tipo de trabalho, diferentemente de outros sistemas.

Outro diferencial na comparação entre um ERP e um software especialista é a facilidade de uso. O especialista em manutenção é focado em certo ramo ou setor, ter layout e navegabilidade adaptados.

Optando por um software especialista, a empresa não está, necessariamente, abrindo mão de outros softwares. É possível e totalmente viável executar uma integração entre os bancos de dados do ERP com o software de manutenção:

  • online: via banco de dados (Trigger, Stored Procedure, Regras ou utilizando tabelas integradoras). Esse formato de integração só pode ser utilizado quando os dois bancos de dados em questão se encontram no mesmo servidor e instância do sistema gerenciador de banco de dados;
  • off-line: via importação de arquivos (TXT/CSV/XML) ou WebService (componentes que permitem envio e recebimento de dados em formato XML).

Também pode-se incluir como outras vantagens no uso de um software especialista em manutenção preventiva:

  • redução no número de horas extras;
  • menor dependência de fornecedores;
  • redução nos atrasos de manutenção;
  • oferecimento de um serviço melhor e mais ágil;
  • menor burocracia para realização das manutenções;
  • redução da necessidade de acompanhamento constante por parte dos gestores e supervisores.

Como escolher o melhor software de manutenção preventiva?

Há alguns critérios que devem ser pensados na hora de escolher o melhor software para esse fim. Lembre-se de que a sua importância exige cuidados consideráveis para evitar prejuízos maiores e prejudicar o andamento da sua empresa.

Algumas coisas que devem ser pensadas:

  • se há todas as funcionalidades necessárias para a sua empresa no que concerne a isso;
  • se a empresa presta serviço de acompanhamento e manutenção do software;
  • se há facilidade na identificação das funcionalidades;
  • se é um sistema intuitivo;
  • se o sistema é ágil o suficiente para não perder horas cadastrando todos os equipamentos da empresa;
  • se o sistema permite o planejamento prévio adequado da manutenção e criar uma ordem de serviço (OS) ideal;
  • o sistema deve ter um controle parametrizável, permitir controle por tempo e controlar por produção com base no uso efetivo do equipamento;
  • produzir relatórios com indicadores de performance de mão de obra e custos;
  • elaboração de relatórios com gráficos para melhor entendimento das partes;
  • permitir mobilidade de informações, com acesso ao sistema por meio de qualquer máquina e dispositivos móveis.

Assim, é importante verificar se os softwares escolhidos têm essas funcionalidades, a fim de evitar surpresas desagradáveis, diminuindo assim  a necessidade de realizar correções de falhas e paralisar a sua linha produtiva.

Gestão de Manutenção

Então aproveite e conheça o software Engeman®, produzido especificamente para gestão de manutenções. Flexível, pode ser adaptado para os mais diferentes tipos de empresa, desde as pequenas e médias até as grandes corporações, se adequando às necessidades específicas do negócio.

Você pode acessá-lo por meio de software via desktop ou acessar em nuvem, por meio de cloud computing e  testar o demonstrativo via aplicativo mobile.

Quer saber mais sobre o software de manutenção preventiva Engeman®? Entre em contato com a gente e tire suas dúvidas, faça seu orçamento e implemente essa solução inteligente em sua empresa!

 

Deixar comentário.

dois × 4 =

Share This